Gravura Brasileira

Marlene Crespo

Visit website

Prints

Curriculum

MARLENE CRESPO

Natural de Campos, RJ. Usou também o nome artístico de Marlene Crespo Fuser e, atualmente, Marlene Perlingeiro.

Dedica-se à gravura, ao desenho e à arte têxtil. Em todos esses itens tem conservado, através de uma longa carreira, identidade própria e coerente. Figurativa e simbólica, vincula-se, de alguma forma, às raízes brasileiras, via de acesso a seu mundo interior.

Começou com desenho, na década de sessenta, participando da IX Bienal de São Paulo em 1967 e do Salão da cidade de Porto Alegre, em que alcançou o primeiro prêmio. Nos anos setenta, já em São Paulo, colaborou com ilustrações em revistas, livros e jornais, inclusive na Folha de São Paulo e no alternativo Movimento, expressão de resistência à ditadura militar.

A partir de 1985, começa seu trabalho em xilo e linoleogravura, e desde 93, em arte têxtil. Dentre as várias exposições em âmbito nacional, destacam-se a de 1987, na galeria SESC Paulista, a do Museu de Arte de Santa Catarina, em Florianópolis (1993), a do Centro Cultural de Diadema (1996) e a do Centro Universitário Maria Antonia (1998). Todas individuais.

Em 99, publicou em Tóquio, pela editora japonesa Shinseken, um livro de arte - Saci, the Jungle`s Elf -, com texto e ilustrações de sua autoria, editado primeiro em inglês, em seguida em japonês, português e espanhol. No lançamento do livro, no Japão, promoveu uma exposição individual itinerante, patrocinada pela editora, em Tóquio, Kioto, Osaka, Fukuoka, Hamamatsu, e outras cidades japonesas. Atualmente, tem em preparo para lançamento em 2002, um outro livro de arte, sobre Iemanjá, pela mesma editora, integrando uma série de lendas brasileiras.

ÚLTIMAS EXPOSIÇÕES
Em 2000, coletivas: na Artressa Gallery, Nova Orleans, USA; no Estação Vila Bar, em São Paulo; no Sesc de Piracicaba e na I Bienal Internacional de Gravura, em Jaguariúna/SP, ambas com o grupo de gravura Olho Latino. Ainda em 2000, expõe arte têxtil com a artista gaúcha Clarice Jaeger, no Centro Cultural Brasil - Espanha, em Porto Alegre.

Em 2001, integrando o grupo de gravura Figuração: Vertentes, com Clarice Jaeger e o argentino Osvaldo Jalil, expõe em Porto Alegre, no Museu do Trabalho, e em Florianópolis, na Universidade Federal de Santa Catarina.

Em 2002, coletiva Xilo Internacional no Conjunto Cultural da Caixa em São Paulo, com os artistas Osvaldo Jalil, Adrian Chiacchetti, Celina Carvalho, Cláudia Sperb, Peter Clarke, entre outros. Ainda em 2002, expõem com o Núcleo de Gravura do Rio Grande do Sul no Museu Chácara do Céu no Rio de Janeiro e também no VI Salón Internacional de Artes Plasticas Brasileña del Proyecto Cultural Sur na Galeria Merceditas Valdez, em La Habana - Cuba.

As gravuras de Marlene têm tiragem limitada a no máximo 50 estampas, mais comumente, 20. Podem ser compradas na galeria Gravura Brasileira, à Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 1325, fone (11) 3064-8779, ou diretamente com a artista, fone (11) 5572-9499 ou (19) 3892-4431. Os trabalhos de arte têxtil são adquiridos somente por venda direta.

Mais informações nos sites:    http://www.marlenecrespo.com.br
                    http://www.vertentes.cjb.net
                    http://www.cantogravura.com.br








 

Copyright Gravura Brasileira

Rua Ásia, 219, Cerqueira César, São Paulo, SP - CEP 05413-030 - Tel. 55 11 3624.0301
Weekdays: 12 am to 6 pm

website produced by WEBCORE