Gravura Brasileira

Maria do Carmo Carvalho - Gravuras

Maria do Carmo Carvalho - Gravuras

De 7/5/2002 a 7/6/2006

Obras

Maria do Carmo Carvalho
" Gravuras "


 
A gravura ganha destaque na exposição "GRAVURAS" da artista Maria do Carmo Carvalho, a ser inaugurada no próximo dia 07 de maio, terça feira, às 19 horas na Galeria de Arte Gravura Brasileira, em São Paulo. Maria do Carmo Carvalho, apresenta uma série de vinte e cinco gravuras em metal executadas ao longo dos anos de 1992 a 2002. Maria do Carmo Carvalho formou-se nos estúdios de diversos artistas brasileiros, como Fang, Sérgio Fingermann, Branca de Oliveira e Nazareth Pacheco e participou de diversas exposições coletivas no Brasil e no exterior, conquistando diversos prêmios em gravura .

Exposição: "GRAVURAS" da artista Maria do Carmo Carvalho
Inauguração e lançamento: 07 de maio, Terça feira, 19 horas.
Data da exposição: de 08 de maio a 07 de junho de 2002.
Local: Gravura Brasileira - Al. Gabriel Monteiro da Silva, 1325 - São Paulo
Horário: segunda a sexta-feira, das 10 às 18 h sábado, das 10 às 14 hs.
Entrada Franca.
e-mail: gravbrasileira@uol.com.br
Tel/fax: (11) 3064.8779, 3081.8484 e 3083.3109.



Ela é pedra, madeira, cobre, zinco.... O primeiro adversário do poeta da mão. Os tempos heróicos do ato de gravar, as astúcias do ácido contra o cobre, nós o revivemos se tomamos consciência da matéria inicial atacada pela mão. A gravura, mais do que qualquer outra técnica, remete-nos ao processo de criação. Ela é a arte que não pode enganar. É primitiva, pré-histórica, possui todas as multiplicidades do mundo hostil, do mundo a dominar. O verdadeiro gravador é um trabalhador, um artesão.

Quando uma imagem apresenta-se em forma de gravura, ela é o resultado de um longo processo. Resquícios emotivos, cognitivos são fragmentados, incorporados a outros, fragmentados mais uma vez e assim sucessivamente. As imagens sobrepostas surgem, a água tinta cobre o desenho de uma chapa, o raspador abre luzes, mostrando o subterrâneo do ato gravado, as linhas voltam e se houver água-forte, elas não se entregam.

Como todo ato criador, a gravura pronta é para mim um objeto de surpresa, motivo de curiosidade e afeto.



MARIA DO CARMO DIAS DE CARVALHO

brasileira, natural de Jacareí, SP
e-mail: mcarmo01@ig.com.br

FORMAÇÃO
Práticas de técnicas diversas nos estúdios dos artistas brasileiros - Fang, Sérgio Fingermann, Branca de Oliveira, Nazareth Pacheco - MUBE (MUSEU BRASILEIRO DA ESCULTURA).

WORKSHOPS: Artur Lescher, Ana Maria Tavares, Regina Silveira

EXPOSIÇÕES COLETIVAS

1983 Bienal Internacional de Gravuras (CHINA)

1986 VII Exposição de Gravuras, Curitiba - PR IX Salão Nacional de Gravuras FUNARTE , Rio de Janeiro - RJ

1987 I Bienal Internacional de Gravura, Campinas - SP Museu de Arte Contemporânea de São Paulo - SP
XVII Bienal Internacional de Ljubljona (YUGOSLÁVIA)
Homenagem à Gravura - Exposição dos premiados do Salão Nacional de Gravuras, Curitiba - PR
Encuentro de Grabado - Centro Wilfredo Lam, Havana (CUBA)
Salão de Arte Contemporânea de Pernambuco (BRASIL)
V Mostra Internacionale di Grafica - Catania (ITÁLIA)

1989 Museu de Arte Moderna, São Paulo - SP

1990 IX Internacionale Triennale - Intergraphik 90, Berlim (ALEMANHA)

1991 XXI Salão Nacional (Prêmio Brasília)
III Bienal Nacional de Santos - SP

1993 I Bienal Internacional de Gravura, Maastricht, Netherlands
II Exposição Internacional de Minigravuras, Ciudad de Orense (ESPANHA)
IV Bienal Nacional de Santos - SP

1994 Troisièmme Triennale Mondiale D`Estampes, Chamalieres (Artista Convidada)
I Bienal Nacional de Gravuras de São José dos Campos - SP

1995 II Graphic Art Biennial of Dry Point, Uzice 95 (Artista Convidada) (YUGOSLÁVIA)
V Bienal Nacional de Santos - SP
Trabalha em Barcelona no Ateliê do Impressor Tristan Barbará (Impressor de Miró e Tápies)

1997 III Graphic Art Biennial of Dry Point, Uzice 97 (Artista Convidada) (YUGOSLÁVIA)
The Fourth International Biennial of Miniature Arts (YUGOSLÁVIA)
8th International Biennial Exhibition of Portrait Drawings and Graphics
97 T Uzla-Bosnia and Herzegovina (Artista Convidada)
Dry Point 97 Graphic Exhibition Vigadó Gallery - The Association of Hungarian Graphic
Artists - Budapest (Artista Convidada) (HUNGARY)

2000 Macabíadas - Galeria Image Factory (BELIZE)

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

1980 Galeria Itaú - SP (desenho)

1983 Galeria SESC Paulista - SP (gravura em metal)

1985 Galeria de Arte Paulo Prado - SP (pinturas)
Galeria do Sol - S.J. Campos - SP (gravura em metal, desenho)

1987 Galeria do Sol - S.J. Campos - SP (gravura em metal)

2000 Museu do Trabalho - Porto Alegre - RS (gravura em metal)
Museu da Gravura Brasileira - Bagé - RS (gravura em metal)
Museu de Artes Visuais Ruth Schneider - Passo Fundo - RS (gravura em metal)

2002 Gravura Brasileira - SP (gravura em metal)

OBRAS EM ACERVO

Casa da Gravura - Curitiba (PR)
Centro Wilfredo Lam, Havana (CUBA)
Instituto Per La Cultura e L`arte, Catania (ITÁLIA)
Internacional Museum of Maastricht (NETHERLANDS)

PRÊMIOS

1982 I Salão de Arte Contemporânea de S. J. Rio Preto - Prêmio Aquisição - Gravura II Salão de Artes Visuais de Rio Claro - Prêmio Aquisição - Gravura

1984 VII Exposição de Gravuras em Curitiba - Prêmio Aquisição

1991 XII Salão Nacional Prêmio Brasília - Gravura

1994 I Bienal Nacional de S. J. Campos - Prêmio Aquisição - Gravura

1997 Salão de Arte Contemporânea de Jacareí - Prêmio Aquisição - Gravura

PRÁTICA DE ATIVIDADES DIDÁTICAS

1991 Criação e orientação de curso de gravura (História das técnicas e processos), Fundação Mokiti Okada - SP

92/93 Criação e orientação de curso de gravura (História das técnicas e processos), MUBE (Museu Brasileiro de Escultura) - SP

Organização : Gravura Brasileira gravbrasileira@uol.com.br

Copyright Gravura Brasileira

Rua Ásia, 219, Cerqueira César, São Paulo, SP - CEP 05413-030 - Tel. 11 3624.0301
Horário de funcionamento: Segunda a Sexta: 12h00 às 18h00 ou com hora marcada

site produzido por WEBCORE