Gravura Brasileira

Objetos Frágeis: Ideias de Fabricação - Claudio Mubarac

Objetos Frágeis: Ideias de Fabricação - Claudio Mubarac

De 14/10/2010 a 20/11/2010

Obras

"OBJETOS FRÁGEIS: IDEIAS DE FABRICAÇÃO"
obra gráfica recente do artista CLÁUDIO MUBARAC


 

abertura:
14 de outubro de 2010, quinta-feira, 19/22hs

período de exposição:
de 14 de outubro a 20 de novembro de 2010



"sobre a exposição"

obra gráfica recente do artista Claudio MUBARAC.
As obras expostas foram todas realizadas no ano de 2010 e exploram diversas técnicas de impressão, diferentes tipos de papel
e de reprodução e gravação de imagens como fotografia, impressão digital, gravura em metal e litografia entre outros.
 

sobre o artista:

"Um elemento a ressaltar no trabalho do Claudio é a apropriação de imagens relacionada a tecnologias e materiais diversos. Ele pode utilizar papel do Nepal de mais de cem anos junto a imagens obtidas por meio digital. Não se deslumbra com as novas linguagens mas também não se detém em técnicas mais usuais. É extremamente contemporâneo. Um dos conceitos para entendê-lo é o do hibridismo."
Tadeu Chiarelli, agosto 2005, Folha de São Paulo.

 

"A produção do gravador paulista Claudio Mubarac é de tamanha importância que hoje se torna impossível debater a gravura no Brasil sem tomar sua obra como referência"
Marcelo Mattos Araújo, diretor da Pinacoteca de São Paulo

 

"Ao perceber e intuir a gravura em sua essencialidade e aproximá-la pela prática a um projeto pessoal de trabalho mais amplo, Cláudio Mubarac justifica sua escolha ao elegê-la como seu meio de expressão por excelência. Desde os primeiros ensaios, em que o `assunto` e a fantasia pareciam competir com as qualidades técnicas e estéticas na concepção de suas estampas, uma consciência dos recursos de linguagem e dos valores inerentes à gravura de todos os tempos já se impunham de forma surpreendente em sua obra nascente e depois extensa, que naquele momento apenas se iniciava. Desde o Pentágono do Cactus, de abril de 1978, uma água-forte de pequeno formato que ainda dividia, mas já revelava essa clareza e consciência gráfica, até a figura do crânio e do corpo humano representado e significado em sua estrutura óssea - e mais recentemente as figuras de planos incisos e iluminados por uma espécie de luz metálica e imanente, um interessante percurso foi delineado, revelador de extraordinária acuidade gráfica. Ao questionar a gravura hoje, na dicotomia matriz-estampa, Cláudio Mubarac cria novos procedimentos, inventa suportes. Revisita a gravura e sua história, sua razão de ser e sua permanência no tempo como fenômeno estético, pelo desdobramento de tantas práticas e procedimentos, cuja origem ainda reside em seu próprio cerne ao se manifestar a cada vez pelo gesto do corte e revelação da linha. Ciente de seu tempo, seu trabalho torna legítima a presença e a importância da gravura e da estampa na arte contemporânea".
Evandro Carlos Jardim - maio de 1996
in GRAVURA: arte brasileira do século XX. Apresentação Ricardo Ribenboim; texto Leon Kossovitch, Mayra Laudanna, Ricardo Resende; design Rodney Schunck, Ricardo Ribenboim; fotografia da capa Romulo Fialdini. São Paulo: Itaú Cultural: Cosac & Naify, 2000, p. 162.





CLAUDIO MUBARAC
CURRICULUM VITAE
(resumo)

    Sobre o artista :
    Claudio Mubarac nasceu em 27 de setembro de 1959, em Rio Claro, SP.
    Entre 1985 e 2003 foi Professor de Gravura na Fundação Armando Álvares Penteado e orientador do Atelier de Gravura do Museu Lasar Segall, o qual coordenou a partir de 1989.
    Graduado em Artes Plásticas, em 1982, pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo, foi professor conferencista de gravura nesta escola nos anos de 1994/95, onde defendeu o seu doutorado em 1998. É professor de desenho e gravura da ECA/USP desde 2004.
    Reside em São Paulo desde de 1978.


Principais exposições individuais :
1990    -Paulo Figueiredo Galeria de Arte, São Paulo
1992    -Programa de Exposições do Centro Cultural São Paulo, Pavilhão da Bienal, São Paulo
1993    -Paulo Figueiredo Galeria de Arte, São Paulo
1995    -Paulo Figueiredo Galeria de Arte, São Paulo
1997      -Galeria Adriana Penteado, São Paulo
              -Centro Cultural São Paulo (artista convidado)
1998      -Casa de Idéias, Uberlândia - MG
              -Notas sobre Incisão - CCSP, SP ( ref. Tese de Doutorado)
1999      -Claudio Mubarac - La Maison du Brésil, Bruxelas, Bélgica
    -Claudio Mubarac - Instituto Cultural na Alemanha, Berlim
    -Valu Oria Galeria de Arte, São Paulo
    -Casa de Rui Barbosa (mês da Gravura), Rio de Janeiro
2000    -Gravura Contemporânea (módulo 1), Espaço MAM-Nestlé, S.P.
2001    -Claudio Mubarac-Centro Maria Antonia, USP, São Paulo
-Claudio Mubarac, Espaço Cultural Sérgio Porto, Rio de Janeiro
2002   - Claudio Mubarac, Valu Oria Galeria de Arte, São Paulo
2005   - Objetos Frágeis : a gráfica de Claudio Mubarac, Estação Pinacoteca, SP

Principais exposições coletivas :
1980    -Panorama de Arte Atual Brasileira, Museu de Arte Moderna de São Paulo
1981    -Coletiva da Gravura em Metal, Galeria SESC /Paulista
     -Gravura Jovem, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São            Paulo
1982    -Mostra Anual de Gravura Cidade de Curitiba
1983    -Premio Internazionale Biella per l’Incisione, Itália
    -International Print Exhibit : ROC, China
1984    -Buti, Hashimoto, Mubarac, Museu de Arte Contemporânea da                 Universidade de São Paulo
    -Da Paisagem Da Figura : Paulo Pasta e Claudio Mubarac, Espaço                Cultura DHL
1985    -Arte Jovem Paulista, Revista Arte em São Paulo, Galeria São Paulo
-Salão Paulista de Arte Contemporânea, Pinacoteca do Estado de São           Paulo
1986     -Bienal de San Juan del Grabado Latinoamericano, Porto Rico
1987    -International Biennal of Graphic Art, Ljubljana
    -Cinco Jovens Paulistas, Espaço Cultural 2001, São Paulo
1988    -Mostra Internazionale di Grafica, Catânia, Itália
    -Salão Paulista de Arte Contemporânea, Fundação Bienal de São Paulo
1990    -Coletiva de Gravuras, Centro Cultural São Paulo
-Panorama de Arte Atual Brasileira, Museu de Arte Moderna de São Paulo
    -Bienal de Gravura de Amadora, Portugal
    -II Mediterranean Bienale of Graphic Art, Grécia
    -Anico, Batalhini, Mubarac, Osinsky, Museu da Gravura Cidade de Curitiba- PR
1992    -Destaques das Mostras de Gravura Cidade de Curitiba, Museu da Gravura Cidade de Curitiba e Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo
    -13 Artistas Paulistas, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro
-Anos 90, Exposição de Acervo, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo
    -I Mostra América de Gravura, Museu da Gravura Cidade de Curitiba, Paraná
    -Gravadores, Espaço Namour, São Paulo
1993    -International Biennial of Graphic Art, Ljubljana
    -Bienal del Grabado Latinoamericano y del Caribe, San Juan, Porto Rico
1994    -Do Brasil, Alex Cerveny & Claudio Mubarac, Museum of Fine Arts, The University of New Mexico, Albuquerque, USA
-5 Contemporary Brasilian Printmakers, Hardware Gallery e London Print Workshop, Londres
    -Anos 90, A Gravura Contínua, Centro Cultural São Paulo, São Paulo
-Poética da Resistência : Aspectos da Gravura Brasileira, Galeria de Arte SESI, Coleção Gilberto Chateaubriand - MAM-RJ
    -Primeira Revisão da Gravura : Gravura Paulista, Galeria Rubem Valentim, Brasília
-11 Artistas Gravadores Brasileiros e Britânicos, Museu da Gravura Cidade de Curitiba e Museu de Arte Brasileira, São Paulo
1995    -Projeto Tamarind, MAC Ibirapuera - Pavilhão da Bienal, São Paulo;
-Espaço Cultural BANDEPE, Recife; Galeria da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro e Atelier Livre de Porto Alegre
    -Imagem Derivada, Palácio das Artes, Belo Horizonte, Minas Gerais
    -Goeldi e Nosso Tempo, Museu de Arte Brasileira, São Paulo
    -II Mostra América de Gravura, Museu da Gravura Cidade de Curitiba, PR
    -Gravura Paulista, Galeria São Paulo, São Paulo, SP
1996      -Pluralidade, MAM-S.P.
1997      -International Print Exhibition, Museu de Arte de Portland, USA
-Brasil - Reflexão 97 / A Arte Contemporânea da Gravura, Curitiba
              -Panorama de Arte Brasileira do Museu de Arte Moderna de São Paulo
              -Pequenos Formatos, Galeria Valú Ória, São Paulo
1998      -A Gravura da Linguagem, Paço Imperial, Rio de Janeiro                                    
    -A Gravura como Escultura, MAM São Paulo
    -Gráfica: Dos Tiempos un Espacio, Galería Espiral de la Escuela de Artes           Visuales, Caracas.
1999      -Litografias, Tamarind Institute. CCSP e Galeria de Arte do IBEU Copacabana, Rio de Janeiro.
    -Uma roça, um oásis, O Ateliê de Gravura do Museu Lasar Segall, Museu
           Lasar Segall.
    -23A Bienal Internacional de Artes Gráficas de Ljubljana, Eslovênia.
-Rubem Grilo, Claudio Mubarac, Raphael Samú, Galeria de Arte e Pesquisa da UFES, Vitória ES
    -Registros Gráficos, Lúcia Ferreira Carvalho, Escritório de Arte, SP
    -Dezenove Cabeças, Adriana Penteado Arte Contemporânea, SP
    -Jovem Gravura Brasileira, Academia de Belas Artes de Viena.
2000    -Aquisições Recentes- Centro Cultural São Paulo - SP
-Investigaões: A Gravura Brasileira, Itau Cultural, São Paulo - SP
-15 anos do Clube de Colecionadores do MAM
-Trilingüe ABC (I Bienal Argentina de Grafica Latinoamericana)
2001    -Trajetória da Luz na Arte Brasileira, Instituto Cultural Itaú – SP
-Trilingue, Estampes Actuelles, R3 Galerie d’Art, Quebec, Canadá
-Cuatro Fragmentos Cardinales, Espacio Borges, Buenos Aires –AR
2002    - O Orgânico em Colapso, Valu Oria Galeria de Arte, São Paulo
2003    - Aquisições Recentes, Museu de Arte Brasileira, FAAP, SP
- Seis Expressões da Gravura Brasileira Contemporânea, MUNA, MG.
- Arte Papel, Valu Oria Galeria de Arte, SP
- A Gravura em Metal, Augusta 664, SP
- Meus Amigos, MAM-Villa-Lobos, SP
- Traços e Formas na Gravura Brasileira Contemporânea,Galeria de la Casa de Guayasamin, Cuba, Bienal de Cuba.
- Múltiplos, Galeria de Arte Landeira, Belém do Pará.
- Palmo Quadrado, Associação Alumini, SP.
2004   - Arte Contemporânea no Acervo Municipal, CCSP, SP.
]         - Arte Comtemporânea no Ateliê de Iberê Camargo, Centro Universitário Maria
          Antônia, SP.
          - Carpeta de Grabados, Museo del Grabado de Puebla, México.
          - Palmo Cuadrado, Museum of Latin American Art, Califórnia, USA.
          - Sobregravura, Gravura Brasileira, SP.
2005  - In Images we speak, Amsterdams Grafisch Atelier, Holanda.
          - Anna Bella Geiger, Carlos Vergara, Claudio Mubarac, Valu Oria Galeria de Arte,
            São Paulo.
          - Arte Contemprânea no Acervo Municipal, CCSP, SP.
          - III Bienal de Gravura de Santo André, sala especial, Galeria Olido, SP.
          - 60 pós 60, CCSP, SP.
          - Panorama da Gravura Brasileira, Valu Oria Galeria de Arte, SP.
          - 100 anos da Pinacoteca, Formação de um Acervo, Centro Cultural FIESP, SP.
          - Erótica, os sentidos da arte, Centro Cultural Banco do Brasil, SP.
2006  -  Gráfica Contemporânea, Instituto de Artes do Pará, Belém.
             Clube de Gravura: 20 anos, MAM-SP, São Paulo.
            Gravura em Metal: matéria e conceito no Ateliê de Iberê Camargo, Centro   
 Municipal de Cultura, Caxias do Sul, RS.


Prêmios :
1982    -Prêmio como melhor artista participante da V Mostra de Gravura Cidade de Curitiba PR
1992    -Prêmio Aquisição na I Mostra América de Gravura
1993    -Bolsa como Artista Residente no Tamarind Institute, USA
1994    -Bolsa como Artista Residente no London Print Workshop, UK
1996    -Bolsa como Artista Residente no Civitella Ranieri Center, Umbria, Itália
1999      -Prêmio FAAP- Cité des Arts (residência na cidade de Paris)
-Prêmio para a melhor Delegação Internacional, 23A Bienal Internacional de Artes Gráficas de Ljubljana

    Obras em Acervo :
    Pinacoteca Municipal de Rio Claro, São Paulo
    Museu da Gravura Cidade de Curitiba, Paraná
    Museu de Arte Moderna de São Paulo
    Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo
    Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (Coleção Gilberto Chateaubriand)
    Museu de Arte Brasileira, São Paulo
    Museu de Arte de Portland, USA
           Centro Cultural São Paulo, Acervo da Pinacoteca Municipal
    Gabinete de Estampas da Biblioteca Nacional de Paris, França
    Instituto Cultural Itaú, São Paulo
    Pinacoteca do Estado de São Paulo
    Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro
           Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Fortaleza, Ceará

Principais publicações :
    -12 Gravadores Paulistas, Marta Torre, São Paulo, 1994
         -Claudio Mubarac, v. autores, Edusp, São Paulo, 1997
-A Gráfica do Livro, O Livro da Gráfica, Claudio Ferlauto e Heloisa Jahn, 1998 (litografia original e artigos sobre gravura)
- Catálogo Geral da Mostra Rio Gravura, Secretaria de Cultura do Rio de Janeiro, 1999
-Investigações: A Gravura Brasileira, Leon Kossovitch e Mayra Laudanna, Cosac&Naify, São Paulo, 2000
-Arte internacional Brasileira, Tadeu Chiarelli, Lemos Editorial, São Paulo, 1999
-Alegoria, Arte Brasileira-século XX, Tadeu Chiarelli, MAM-SP, 2002
-Coleção Nestlé de Arte Brasileira, Tadeu Chiarelli, MAM-SP, 2002
-Inventário (acervo do MAM-SP), MAM-SP, 2002
- Brazilianart III, Editora Jardim Contemporâneo, São Paulo, 2003.
- Objetos Frágeis : a gráfica de Claudio Mubarac. v. autores, coord. e curadoria de Tadeu Chiarelli.

 

Principais participações em seminários, workshops, etc.
1987     -X Congresso Nacional de Museus, Ouro Preto, Minas Gerais.
1989     -3O  Simpósio Internacional sobre o Ensino da Arte e sua História, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo.
1991     -Membro da Comissão Julgadora do Projeto Nascente da Pró-Reitoria da Universidade de São Paulo.
1992     -Palestrante no Seminário “O Ensino das Artes Visuais: Realidade e Perspectivas da Graduação”, Departamento de Artes Plásticas, ECA-USP
1993     -Conversas no Segall, Claudio Mubarac e Iran do Espírito Santo, Museu Lasar Segall.
1994     -Mesa Redonda sobre o Tamarind Institute, Museu da Gravura de Curitiba.
1995     -Seminário: Tendências e Perspectivas da Pesquisa em Artes Visuais, como palestrante, com uma comunicação intitulada “A matriz como estampa virtual”, Departamento de Artes Plásticas, ECA-USP.
-I Seminário Projeto Arte na Escola: palestra “O processo criativo e o percurso criador no espaço do ateliê”, Museu Lasar Segall.
-Curso de Difusão Cultural “Goeldi”, com a palestra “Goeldi e o ateliê”, Instituto de Estudos Brasileiros da Universidade de São Paulo.
1997     -XI Festival de Arte Cidade de Porto Alegre, com o curso “Gravura em metal” e a palestra “O artista e sua obra”, Ateliê Livre da Prefeitura.
1998     -Ensino da Arte - A gravura como meio, Casa da Gravura de Jacareí SP
-Fundação Bienal de São Paulo, palestra “A linguagem do desenho e da gravura”, durante a XXIV Bienal de São Paulo.
1999     -Mesa Redonda, Auditório Centro de Artes, UFES, Vitória
2000     -Mesa Redonda, A Gravura e a Arte contemporânea Brasileiras, Auditório da FNAC, organização Revista Bravo
             -Oficina de Gravura, Fundação Iberê Camargo
 -Mesa Redonda: Gravura Brasileira Contemporânea (com Evandro Carlos
   Jardim e Renina Katz), Centro Cultural Itaú, São Paulo
2001   -Palestra “A Gravura de Estampa”, Semana de Arte, Unicamp
2002  - Palestra “A Gravura de Lasar Segall” , Museu Lasar Segall, por ocasião da
            exposição” Lasar Segall, Otto Dix : Diálogos Gráficos”, São Paulo.
         - Palestra “A gravura de Otto Dix”, Museu de Arte Brasileira, por ocasião da     
           exposição “Otto Dix, Lasar Segall : Visões de Guerra”, São Paulo
         - Palestra “A Obra Gráfica de Rembrandt”, para os monitores da exposição
           “Rembrandt e a Arte da Gravura”, CCBB, São Paulo
2003 - Curso “Gravura : uma história da estampa no ocidente”, Centro Maria Antonia
            Universidade de São Paulo.
2005 - Curadoria da exposição “O desenho estampado: a obra gráfica de Evandro Carlos Jardim”, Pinacoteca do Estado de São Paulo.
 

Copyright Gravura Brasileira

Rua Ásia, 219, Cerqueira César, São Paulo, SP - CEP 05413-030 - Tel. 11 3624.0301
Horário de funcionamento: Segunda a Sexta: 12h00 às 18h00 ou com hora marcada

site produzido por WEBCORE